PL de horário de carga e descarga de valores bancários tem parecer contrário em Comissão

Foto: Aguilar Abecassis

A Comissão de Turismo, Indústria, Comércio, Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda (Comticdetre) deu parecer contrário ao projeto de lei 088/2018, que obriga as agências bancárias e os estabelecimentos similares a utilizar local ou horários apropriados para a carga e descarga de valores, durante reunião, na manhã de segunda-feira (12/8).

O projeto, de autoria do vereador Sassá da Construção Civil (PT), visa evitar a exposição de clientes, trabalhadores e pedestres à violência praticada por assaltantes armados em instituições bancárias e similares na cidade de Manaus.

O presidente da comissão, vereador Amauri Colares (PRB), justificou seu voto contrário ao projeto, alegando que a escalada dos horários facilitaria a ação dos bandidos. O vereador lembrou do caso que ocorreu recentemente no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, onde homens fortemente armados disfarçados de policiais federais invadiu o terminal de cargas do Aeroporto, roubando 718,9 quilos de ouro.

“O vereador Sassá teve uma atitude boa e importante ao apresentar o seu projeto. O motivo do parecer contrário foi a divulgação dos locais apropriados para recolhimento e o reabastecimento de valores de atendimento ao público do estabelecimento, isso vai facilitar para os bandidos”, enfatiza.

Parecer favorável

Já o PL 285/2017, de autoria do ex-vereador e atualmente senador Plínio Valério (PSDB), subscrito pelo vereador Dante (PSDB), que proíbe o uso de amianto no município de Manaus, recebeu parecer favorável da Comticdetre. Segundo Amauri Colares, as pessoas desconhecem que o amianto se trata de um produto altamente cancerígeno.

A Comissão também deu parecer favorável ao projeto 121/2018, de autoria do vereador Hiram Nicolau (PSD), que dispõe sobre a disponibilização de cadeira de rodas nos cemitérios públicos ou privados em Manaus. De acordo com o autor do projeto, as cadeiras de rodas devem ser mantidas junto à administração ou nas agências funerárias dos respectivos cemitérios, com fácil acesso, sempre limpas e em perfeitas condições de uso.

 

Comentarios