Velório da ex-primeira dama Lúcia Almeida é marcado por saudades e comoção

Foto: Eraldo Lopes

Realizado no auditório Belarmino Lins, na Assembleia Legislativa do Amazona (ALE-AM), o velório reuniu amigos, familiares e políticos. Emocionado, o ex-governador David Almeida agradeceu as manifestações de apoio de todos

A saudade tomou conta do Auditório Belarmino Lins, na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), onde está sendo velado o corpo da ex-primeira dama do Estado, Lúcia Almeida, na noite desta quinta-feira (5).

Lúcia morreu na noite dessa quarta-feira (4), às 18h45, em um hospital de São Paulo (SP). Ela lutava desde 2017 contra um câncer no fígado.

Durante o velório, o ex-governador David Almeida, com quem Lúcia foi casada por quatro anos, agradeceu as manifestações de apoio que tem recebido.

“Eu agradeço a Deus a oportunidade de a Lúcia ter vivido 41 anos e peço que Deus abençoe a todas as pessoas que vêm passando pelo mesmo problema que ela passou”, declarou.

Com os olhos embargados, David se emocionou ao lembrar da esposa. “Vivi um conto de fadas com a minha mulher. Nós vivemos intensamente um grande amor. Vivi felicidade plena com a minha esposa e minha família”, contou.

O velório reuniu diversos políticos e autoridades, como o deputado estadual Wilker Barreto (Podemos), que prestou solidariedade à família, assim como o também deputado estadual Abdala Fraxe (Podemos).

Nesta sexta-feira (6), também no auditório Belarmino Lins, às 14h, acontecerá um culto de corpo presente, celebrado pelo irmão de David, o pastor Disraeli Almeida.

Em seguida, às 15h, o corpo será conduzido ao cemitério São João Batista, onde será enterrado.

Por ACRÍTICA

 

Comentarios