Veja como fica o Auxílio Brasil para quem recebia o auxílio emergencial

Foto: Reprodução / R7

O Auxílio Emergencial chegou ao fim no mês de outubro quando a Caixa Econômica Federal começou a disponibilizar o calendário de pagamentos da sétima e última parcela. No lugar do Auxílio Emergencial e Bolsa Família, o governo vai começar a pagar o Auxílio Brasil já na próxima semana.

Contudo, como se trata de um novo benefício, milhares de pessoas estão em busca de informações sobre o benefício assim como realizar o processo de inscrição do novo benefício.

Quem recebia o Auxílio Emergencial vai receber novo Auxílio Brasil?

Uma das perguntas que os beneficiários do Auxílio Emergencial que não eram beneficiários do Bolsa Família é saber se quem recebe o benefício emergencial terá direito de receber o novo Auxílio Brasil.

É preciso esclarecer que o novo programa será destinado às famílias de extrema pobreza e pobres do país, sendo assim, caso o cidadão que recebia o Auxílio Emergencial se encaixe nessa situação, será possível sim receber o benefício.

Famílias com renda per capita de até R$ 100 são consideradas em situação de extrema pobreza, enquanto aquelas com renda per capita até R$ 200 agora são consideradas em condição de pobreza.

No Bolsa Família, esses valores eram, respectivamente, de R$ 89 e R$ 178 por pessoa.

Logo, se você se encaixa nas condições acima, é possível sim, que você receba o benefício e para garantir acesso ao benefício será necessário se inscrever no Cadastro Único de Informações Sociais (CadÚnico).

As famílias que já eram inscritas no CadÚnico e que possuem a renda exigida pelo programa também devem começar a receber o benefício. O passo-a-passo da inscrição você pode aprender aqui.

Ao me inscrever no CadÚnico quando vou receber o novo Auxílio?

No mês de novembro, o pagamento da primeira parcela do Auxílio Brasil será destinado somente aos beneficiários do Bolsa Família. Somente a partir de dezembro, os demais inscritos no CadÚnico vão começar a receber.

O Auxílio Emergencial chegou ao fim no mês de outubro quando a Caixa Econômica Federal começou a disponibilizar o calendário de pagamentos da sétima e última parcela.

No lugar do Auxílio Emergencial e Bolsa Família, o governo vai começar a pagar o Auxílio Brasil já na próxima semana.

As informações são do R7.

Comentarios