PM envolvida em ocorrência com jornalista é afastada pelo Governo do Amazonas

Imagem: Reprodução

O Governo do Amazonas divulgou, na tarde desta quarta-feira (28/10), que determinou o afastamento da sargento da Polícia Militar que se envolveu em uma ocorrência com uma jornalista durante coletiva de imprensa do vice-governador Carlos Almeida, mais cedo.

O vice-governador tinha acabado de reunir com profissionais de imprensa, para ler um pronunciamento, em que fez uma defesa prévia das acusações da Operação Sangria 2, quando houve a confusão.

A jornalista Rosiene Carvalho tentou fazer um pergunta ao vice-governador, logo após ele fazer a leitura do documento, mas a coletiva não teve direito a questionamentos. Houve empurra-empurra na saída de Carlos Almeida e discussão envolvendo a jornalista e a sargento afastada.

Segundo o Governo, o afastamento da policial foi determinado pela Casa Militar do Estado. A PM integra a equipe de segurança do vice-governador, Carlos Almeida. O Governo do Amazonas não divulgou o nome da sargento.

De acordo com o Estado, a determinação é para que seja aberto procedimento administrativo para a apuração dos fatos e adoção de medidas. “O Governo do Amazonas ressalta que preza pela liberdade de imprensa e a correta postura dos seus servidores”, ressaltou o Governo, em texto enviado à imprensa.

FONTE: PMS

Comentarios