EUA: Idoso morre de raiva após ser mordido por morcego enquanto dormia

Trata-se do 1º caso de raiva humana desde 1954 no estado de Illinois. (Imagem: Reprodução)

Um idoso de 80 anos de idade foi encontrado morto em sua casa vítima do vírus de raiva humana, transmitido por um morcego através de uma mordida. O caso, que ocorreu em Illinois, nos Estados Unidos , chamou a atenção das autoridades locais pois trata-se do primeiro caso de morte por raiva humana desde 1954. As informações são do portal Uol.

De acordo com o Departamento Estadual de Saúde Pública, a vítima – que não teve seu nome divulgado – encontrava-se dormindo quando foi atacado pelo animal.

Há um mês, o idoso realizou uma denúncia às autoridades após se deparar com um morcego preso em seu pescoço ao acordar. Após a apreensão do animal, testes para a verificação da presença do vírus da raiva foram realizados. O resultado deu positivo.

Nas últimas semanas, o homem passou a relatar alguns sintomas: dor de cabeça e no pescoço, dificuldade motora e problemas com a fala. Dias depois, foi encontrado morto. O Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC) atestou a morte e o diagnóstico para raiva como causa do óbito.

Ngozi Ezike, diretor do departamento estadual de saúde, informou que “a raiva tem a maior taxa de mortalidade dentre todas as doenças. Apesar disso, é possível salvar a vida de quem teve contato com um animal infectado pelo vírus, caso o tratamento imediato seja realizado”.

Comentarios