Estudante vítima de bala perdida pediu perdão antes de morrer, na Zona Leste

Nas redes sociais, diversos amigos de Rayde lamentaram o ocorrido - Foto: Reprodução/Facebook

Segundo informações de populares, a estudante Rayde Barbosa da Silva, de 18 anos, que morreu na noite de ontem (14), vítima de bala perdida da porta de sua casa, no bairro Armando Mendes, Zona Leste de Manaus, chegou a pedir perdão antes de falecer. Na ocasião, a irmã dela e um homem não identificados foram baleados e seguem internados no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio.

Minutos antes, houve um tiroteio no Zumbi, mesma zona, e Jorge Tacito Miranda de Souza, 22 anos, foi morto com 3 tiros. Em seguida, os criminosos seguiram para o Armando Mendes, para matar dois homens não identificados que estavam em um beco.

Porém, eles fugiram e os bandidos foram atrás dos mesmos, e foi no momento que a estudante e as outras três vítimas foram atingidas. Rayde também chegou a ser socorrida para o HPS, porém não resistiu aos ferimentos.

Os criminosos invadiram a residência da estudante para fugir dos tiros, e foi no momento que houve o tiroteio. Ela estava fazendo um trabalho escolar minutos antes de morrer.

Nas redes sociais, diversos amigos de Rayde lamentaram o ocorrido. “A mãe dela ficou desesperada. O que conforta é que o irmão da mesma disse que ouviu ela pedir perdão. O irmão dela dfalou que ela estava afastada dos caminhos do Senhor”, comentou uma leitora.

Os crimes seguem sob investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Com informações do Manaus Alerta.

Comentarios