CMM aprova moção de repúdio à Xuxa Meneghel

A apresentadora irá lançar um livro infantil com a temática LGBT+.

Após anunciar que lançará um livro infantil com a temática LGBT+, Xuxa Meneghel ganhou mais alguns desafetos. Um deles é o vereador Fred Mota (Republicanos), que teve uma moção de repúdio aprovada na Câmara Municipal de Manaus (CMM) contra a apresentadora. “Não podemos deixar que nossas crianças sejam doutrinadas dessa forma. Deixo registrado o meu repúdio contra qualquer tipo de afronta aos nossos pequenos!”, argumentou o parlamentar.

Mota faz parte da bancada evangélica da CMM e chegou a ser condenado por compra de votos em março de 2019, se mantendo no cargo por efeito suspensivo da Justiça Eleitoral. Ontem, Xuxa anunciou que irá doar toda a renda do novo livro para uma ONG evangélica.

O trabalho de Xuxa recebeu diversas críticas nas redes sociais, como as da deputada estadual do Rio de Janeiro, Rosane Felix (PSD), que declarou que tentativas de doutrinação das crianças “são uma forma de agressão à inocência delas”, e também da deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP), que pediu para que Xuxa “deixe nossas crianças em paz”.

*Com informações da Coluna Sim & Não/A Crítica

Comentarios