Grávida e criança estão desaparecidos após naufrágio em Barreirinha

Ela viajava com o esposo e mais duas pessoas, de Barreirinha para a comunidade Estácio da Brasília, quando a canoa virou | Foto: Divulgação

Uma canoa afundou no Paraná do Ramos, zona rural de Barreirinha (distante 331 quilômetros de Manaus) e uma mulher grávida, identificada como Raissaenilda Carvalho da Silva, de 25 anos, e seu filho Pietro Carvalho da Silva, de apenas três anos, estão desaparecidos desde o acidente, ocorrido na tarde de ontem,  terça-feira  (22).

A vítima, acompanhada do esposo, e mais duas pessoas viajavam para a comunidade “Estácio da Brasília” quando a poucos minutos do local conhecido por “Boca do Estácio” começou um vento muito forte e a canoa que viajavam, não suportou a ventania e naufragou.

As buscas pelos desaparecidos continuam. Uma equipe de mergulhadores da unidade do Corpo de Bombeiros de Parintins está no local.

*Com informações do Em Tempo

Comentarios