Governo do Amazonas inicia recadastramento de clientes da Cosama em seis municípios

Foto: Divulgação/Cosama

O Governo do Estado, por meio da Companhia de Saneamento do Amazonas (Cosama), iniciou, na segunda-feira (08/04), o processo de recadastramento dos clientes da Companhia em seis municípios simultaneamente: Autazes, Benjamin Constant, Carauari, Codajás, Eirunepé e Tabatinga. A ação não acontecia há mais de 10 anos.

São 28 pessoas com a meta de cadastrar dez mil casas, em trinta dias, com o objetivo de modernizar as informações dos clientes que recebem a água e até detectar consumos irregulares, a fim de melhorar a operação do sistema, desde a captação até a distribuição, além de permitir as instalações de novos hidrômetros.

O presidente da Cosama, Armando do Valle, destacou que o recadastramento vai possibilitar um diagnóstico real de usuários de água nos municípios. “É orientação do governador Wilson Lima realizar melhorias e valorizar as pessoas no interior que estavam em total abandono há anos. Para isso, precisamos diagnosticar os clientes para iniciar os projetos”, ressaltou.

Água de boa qualidade

A moradora de Autazes, Ruciele Neves relatou que o recadastramento vai possibilitar que ela se torne cliente da Cosama. “Eu sei que a Cosama fornece água de boa qualidade, mas nunca tive a oportunidade de me tornar cliente. Agora, estou feliz por poder receber esse serviço”.

Atualmente, a Companhia possui 36.905 ligações cadastradas, tanto ativas quanto inativas. Quanto aos hidrômetros instalados, o índice de equipamentos registrados é de apenas 22,64%. O recadastramento contempla, basicamente, o preenchimento de um formulário simples e rápido, realizados por funcionários da Cosama devidamente identificados.

 

Comentarios