Garantido pede destituição da Comissão Julgadora do Festival de Parintins

O bumbá do povão solicita melhor definição de metodologia, dos critérios de escolha dos jurados e do formato da Comissão do Festival Folclórico 2019

O Boi Garantido protocolou na última terça-feira (15), em documento direcionado ao prefeito de Parintins Frank Luiz da Cunha Garcia, a destituição da atual Comissão do Festival Folclórico 2019. Uma reunião para a constituição de uma nova comissão também foi pedida.

O documento assinado pelo presidente Fábio Cardoso afirma que o objetivo é a busca da “isonomia do processo de escolha de jurados e julgamento do festival, primando por sua credibilidade”.

O bumbá vermelho e branco solicita melhor definição de metodologia, dos critérios de escolha dos jurados e do formato da Comissão Julgadora.

Também no ofício direcionado ao prefeito de Parintins, há a solicitação para que aconteça a reunião no prazo de 20 dias.

Segundo Fábio Cardoso, o Festival de Parintins tem passado por mudanças importantes e é fundamental que a Comissão do Festival tenha isonomia comprovada com membros sem vínculo com alguma das agremiações envolvidas na festa. “Não é interessante para a confiabilidade do evento, para a credibilidade do Festival, que pessoas historicamente ligadas  ao Caprichoso ou ao Garantido estejam nesta Comissão”, destacou.

Por A CRÍTICA

Comentarios