Funcionário de lanchonete tem parte da orelha arrancada na dentada por cliente

Guilherme Souza tentou defender o garçom e acabou sendo atacado pelo cliente. (Foto: Reprodução)

O funcionário de uma lanchonete localizada na cidade de São José da Tapera, no interior de Alagoas, teve parte da orelha arrancada após ser agredido por um cliente na madrugada da sexta-feira, dia 1º. A vítima foi identificada por Guilherme Souza, de 20 anos.

De acordo com informações da vítima, o agressor é cliente do estabelecimento e dono de uma oficina mecânica, que fica próxima a lanchonete.

Ainda segundo as informações, o homem chegou ao local, fez o pedido e na hora de efetuar o pagamento, disse ao garçom para cobrar a conta depois, mas foi informado que o pedido não poderia ser entregue sem o pagamento e o indivíduo surtou.

Guilherme, que trabalha como chapeiro, tentou defender o garçom e foi atacado pelo cliente, que em seguida mordeu a orelha do funcionário e arrancou um pedaço.

Câmeras de segurança do estabelecimento registraram toda situação. Nas imagens, o funcionário aparece correndo para os fundos da lanchonete com as mãos no rosto, após ser mordido.

Testemunhas do caso contaram que o homem ainda quebrou móveis da lanchonete.

O jovem foi socorrido e levado para uma unidade de saúde do município, onde foi medicado e teve a orelha suturada (10 pontos). A vítima não confirmou se registraria boletim de ocorrência (BO). As informações são do AlagoasWeb.

Comentarios