DJ Ivis vira réu na Justiça por agressões contra Pamella Holanda

Preso há mais de um mês, DJ Ivis se torna réu em processo de agressões contra ex-esposa.

O Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) informou que Iverson de Souza Araújo, conhecido como DJ Ivis, agora é considerado réu no processo de violência doméstica contra a ex-mulher Pamella Holanda. No mês passado, o cantor foi indiciado pela Polícia Civil do Ceará e a denúncia do Ministério Público (MP) do Ceará foi acolhida pela Justiça.

“O referido processo está em tramitação na Vara Única Criminal do Eusébio. A denúncia, ofertada pelo Ministério Público, já foi recebida pela Justiça estadual, que determinou a citação do acusado”, explicou o Tribunal em nota.

Ivis foi preso no dia 14 de julho pela Polícia Civil após a mãe de sua filha expor as agressões feitas pelo artista. Atualmente, ele segue em reclusão no Presídio Irmã Imelda Lima Ponte, em Aquiraz, no Ceará, e teve ao menos quatro pedidos de habeas corpus negados pela Justiça.

Como o processo tramita em segredo de Justiça, o Tribunal relatou ainda que “mais informações não podem ser repassadas por conta do sigilo do processo”.

Comentarios