Carro de ex-namorado de miss é encontrado acidentado em RR

Existe a suspeita que Rafael fuja em direção ao território venezuelano. ─ Imagem: Reprodução

O carro modelo A5 da Audi, do servidor do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) no Amazonas, Rafael Fernandez Rodrigues, 31, principal suspeito do assassinato da ex-namorada, Kimberly Mota, 22, foi encontrado capotado próximo do Parque do Viruá, na BR-174, região do município de Caracaraí, Centro-Sul de Roraima. Modelo e miss amazonense em 2019 foi encontrada morta no início da semana dentro do apartamento dele, em Manaus

De acordo com uma fonte policial que confirmou a notícia na noite desta quarta-feira (13), Rodrigues teria escapado sem ferimento do acidente. Ele teria ido de carona até a cidade de Caracaraí, depois pegou um táxi até o Terminal do Caimbé, em Boa Vista, de onde teria seguido em outro táxi para o município de Pacaraima, na fronteira com a Venezuela. A suspeita é de que o servidor público amazonense já tenha entrando clandestinamente para o país vizinho.

NOTA DA POLÍCIA CIVIL

Às 23h, a Assessoria de Comunicação da Polícia Civil confirmou por meio de uma nota oficial que o carro de Rafael Rodrigues foi encontrado capotado na tarde desta quarta-feira. “O veículo estava bastante danificado em virtude de um acidente, numa curva na BR-174, nas proximidades do Parque Nacional do Viruá, no município de Caracaraí. A hipótese é de que o veículo estava com excesso de velocidade, o motorista perdeu o controle da direção e em seguida o carro capotou nesta curva, saindo da pista”, disse a polícia na nota.

A nota esclarece que “a Polícia Civil tem conhecimento de que o foragido pediu socorro na Vila Petrolina, e depois pegou carona para Boa Vista”, pontuou, ao acrescentar que seguem as diligências, agora de forma mais intensificadas pela força-tarefa formada por policiais civis, militar e da Divisão de Inteligência e Captura (Dicap), da Secretaria de Justiça e Cidadania (SEJUC) para prendê-lo.

*Com informações do Roraima Em Tempo

Comentarios